Declaração sobre Sam Trachtenberg

Informamos aos nossos leitores que rompemos relações com Sam Trachtenberg. Ele foi expulso do Reagrupamento Revolucionário (por voto unânime dos outros membros) por desrespeitar a democracia interna depois de, de forma autoritária, sorrateiramente mudar as senhas do web site e do e-mail da organização para impedir outros membros de usá-los, o que inclui postar nossos artigos.

Isso aconteceu em meio a uma disputa interna na qual Trachtenberg sordidamente tentou exercer controle sobre o restante da organização exigindo que não se publicassem artigos sem a SUA aprovação. Ele não estava conseguindo participar no processo de edição devido a uma difícil situação pessoal e de saúde. De acordo com ele, o Reagrupamento Revolucionário deveria, portanto, não publicar os artigos que já estavam escritos havia vários meses (mesmo que isso significasse tais artigos ficarem ultrapassados e oportunidades de intervenção fossem perdidas) porque ELE não podia participar da edição (processo no qual nós sempre buscamos democraticamente incluir todos os companheiros dentro de um cronograma razoável).

Depois de perceber que estava isolado em sua posição de que a sua contribuição pessoal era tão crítica que o grupo não poderia sobreviver sem ela, ele começou a lançar ataques contra os outros membros. Enquanto se recusava a realizar uma reunião na qual ficaria em minoria, Trachtenberg proferiu calúnias contra os membros do RR, incluindo de que o havíamos “torturado” – supostamente via e-mail, já que não houve contato pessoal e nem mesmo por telefone nesse período. É desnecessário dizer que isso é uma mentira (entre muitas que ele fabricou).

Queremos notificar o público de que o web site “Regroupment.org”, o e-mail “Revolutionary_Regroupment@yahoo.com” e a caixa postal de Nova Iorque não mais representam ou falam em nome da nossa organização – somente de Sam Trachtenberg. Futuramente, escreveremos uma explicação e descrição elaborada do que aconteceu, assim como responderemos a quaisquer calúnias que Trachtenberg venha a levantar contra nossa organização.

Os comentários estão desativados.